Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

The Skin Game

Blogue português escrito por uma profissional de farmácia e dedicado à dermocosmética.

Review: SkinCeuticals Hydrating B5 Serum

product_19.png

 

Tipo de produto: sérum

Função: hidratante, anti-envelhecimento

Ingredientes principais: ácido hialurónico, pantenol

Quando usar: manhã e noite, a seguir à limpeza/tónico

Textura: líquido

Aroma: inexistente

Embalagem: vidro com conta-gotas

Quantidade: 30ml

Preço: 60€

Onde comprar: farmácias, Skin

 

Perdi a conta ao número de pessoas que já me pediu review deste produto, especialmente considerando que eu adoro de paixão o da Esthederm, que tem um preço semelhante. Para mim, ambos têm lugar numa rotina, com funções diferentes.

 

Este sérum tem uma textura hiper fluída, quase como água, o que é absolutamente perfeito para quem gosta de aplicar vários produtos com funções diferentes. Dada a sua textura, ele é instantaneamente absorvido, o que significa que não há aquele problema de ficarem resíduos de vários produtos na superfície da pele a interagir uns com os outros. Para quem gosta de aplicar primer antes da maquilhagem, este sérum é perfeito porque não vai interagir com nada, dando um boost de hidratação e mantendo a pele protegida. Para peles sensíveis também é perfeito, conheço muita gente com rosácea e pele sensível que adora este sérum e não quer outra coisa.

 

No meu caso, uso-o mais nos dias em que quero aplicar produtos por cima. Nas fases antes da menstruação, em que a minha testa rebenta em borbulhas, é o ideal para aplicar em todo o rosto para garantir que não há desidratação. Depois aplico o BiRetix na testa e queixo e o Nuxe Prodigieuse Boost nas bochechas. Contudo, nos dias em que só quero ir para a cama e desmaiar de cansaço, dou preferência ao da Esthederm porque sinto que posso aplicar apenas aquele e não preciso de pôr mais nada em cima.

 

Em termos de hidratação, tanto eu como outras colegas de trabalho temos a declarar que há pouca coisa como ele - e temos todas peles muito diferentes umas das outras. Se há altura em que sentimos que a pele está reforçada e hidratada, é quando o usamos, mesmo pessoa com pele seca e sensível ou pessoas como eu que têm pele oleosa. É um verdadeiro porto seguro caso queiram oferecer uma boa prenda a alguém, porque é efectivamente compatível com todas as peles, mesmo sensíveis, ajudando até a proteger graças à vitamina B5.

 

Essencialmente, para mim tanto o da Esthederm como este são óptimos séruns hidratantes e a escolha sobre qual usar recai um bocado na questão do que se usa (ou não) depois dele.

Review: DSP-Serum Iluminador da MartiDerm

Tipo de produto: sérum

Função: despigmentante (adequado a grávidas) e antioxidante
Ingredientes principais: genisteína, hexilresorcinol, ácido fítico 
Quando usar: após a limpeza, manhã e noite

 

Textura: sérum denso
Aroma: floral

 

Embalagem: frasco com conta-gotas
Quantidade: 30 ml

 

Preço: 41€
Onde comprar: farmácias, parafarmácias, YouLoveYou

 

dsp serum iluminador martiderm.JPG

 

Da última vez que vos falei aqui da MartiDerm disse que a marca para mim tinha qualidade e portanto facilmente a recomendava à maioria das pessoas, mas que até à altura ainda não tinha encontrado um produto que funcionasse comigo. Pronto, finalmente isso mudou graças a este despigmentante em sérum carregado de antioxidantes. Mas não se preocupem, que não decidi atacar as minhas sardas (uma amiga minha entrou em choque e ralhou comigo quando lhe disse que tinha um sérum despigmentante, porque achou que tinha decidido declarar guerra às minhas sardas). O único sítio onde utilizei este sérum foi mesmo no queixo, onde tenho marcas de borbulhas passadas.

 

Ando há muito para utilizar um sérum destes, andava inclinada para o da Caudalie (mas a sério, a subida monumental de preço desde que foi lançado até agora acaba por me desmotivar) ou para o da Sesderma. Por sorte do destino, a MartiDerm dispôs-se a enviar-me um, por isso o assunto ficou resolvido. Fiquei particularmente interessada nele porque, além de que ainda não me tinha convencido que nada da marca ia resultar comigo, este sérum despigmentante é adequado a grávidas, e se há coisa que as grávidas me pedem constantemente é aconselhamento sobre este tipo de séruns. E nada melhor do que um aconselhamento baseado na própria experiência com o produto.

 

dsp serum iluminador martiderm 3.JPG

 

O que é que eu tenho então a dizer sobre este sérum? Primeiro que tudo, a fórmula é bastante interessante. Não recorre aos típicos despigmentantes como o ácido azelaico ou a arbutina, que tornariam a fórmula impossível de utilizar pelas grávidas. Recorre sim à genisteína como antioxidante para evitar danos futuros na pele e ao hexilresorcinol como despigmentante. O sérum tem uma textura relativamente densa, mas espalha facilmente e é rapidamente absorvido, sendo muito fácil de utilizar de manhã e à noite. O facto de ter conta-gotas torna-o muito simples de dosear e, graças ao facto de espalhar muito facilmente, é um produto que dura muito tempo.

 

Quanto a resultados, o que é que há para dizer? Bem, se foi este o sérum que me fez perceber que afinal há esperança para a minha relação com a MartiDerm, já perceberam que funcionou. Testei-o durante mais de um mês e notei mesmo diferenças na quantidade e intensidade das manchas no queixo. Eu devia ter-me lembrado de tirar fotos de antes e depois, mas a verdade é que tive um mês muito complicado a nível de trabalho e acabei por não conseguir tirar foto do "antes". As manchas não desapareceram completamente, claro, mas também ainda só o usei durante um mês. Tenho esperança que com o uso continuado elas acabem por desvanecer, mas vou-vos mantendo actualizados no progresso.

 

* produto enviado pela marca para review ao abrigo da política de parcerias

Review: Phyto Corrective da SkinCeuticals

Tipo de produto: sérum
Função: hidratante e calmante
Ingredientes principais: extracto de pepino, extracto de tomilho, ácido hialurónico
Quando usar: após a limpeza

 

Textura: líquido
Aroma: quase inexistente

 

Embalagem: frasco de vidro com conta-gotas
Quantidade: 30 ml

 

Preço: 52€
Onde comprar: farmácias, YouLoveYouSkin

 

phyto_corrective_skinceuticals_review_opinião.JPG

 

Tenho andado meio desinspirada para reviews, e estava aqui a passear na pasta de fotos de produtos quando vi o Phyto Corrective e lembrei-me que ainda não tinha escrito review deste produto. O que não pode ser, porque eu tenho usado isto dia após dia nos últimos meses. Já o recomendei em vários posts ao longo do blogue, mas nunca tinha feito a review, por isso aqui vai ela, já atrasada, mas ainda sempre a tempo. 

 

Primeiro que tudo, tenho a dizer que tenho a perfeita noção de que este é um produto caro. Eu consegui-o na Black Friday por um preço mais simpático do que o costume, mas hoje em dia estou em posição de afirmar que não tenho qualquer problema em dar o valor total por este produto. Primeiro que tudo, porque ele resulta mesmo. Em segundo lugar, porque uso 3 gotas de cada vez, o que significa que mesmo após meses de uso não gastei sequer 1/4 da embalagem. Mas vamos às coisas importantes primeiro, e vamos falar quem é que pode usar este sérum e para que é que ele serve...

 

A SkinCeuticals apresenta o produto como sendo parte da sua gama de correcção, sendo um sérum calmante para peles sensíveis ou fragilizadas, apto a todos os tipos de pele (seca, normal, mista, oleosa). Em termos de condições de pele, referem que é adequado a pele acneica, hiperpigmentada, com rosácea, sensível ou desidratada. Em resumo: segundo a SkinCeuticals isto serve praticamente para tudo, pronto. O que não é exactamente verdade, mas que também não é propriamente mentira. Confusos?

 

phyto_corrective_skinceuticals_review_opinião_2.J

 

Bem, eu utilizo este sérum como hidratante, para conferir água à pele, e como calmante. A única indicação que não percebo no meio disto tudo é a hiperpigmentação, porque não há absolutamente nada aqui que vá ser eficaz a esse nível. Tirando isso, é tudo verdade: pode ser usado por qualquer tipo de pele (mesmo a mais oleosa) porque é totalmente fluido, e praticamente todas as peles estão num estado mais ou menos desidratado. E aquilo que para mim realmente o diferencia dos restantes séruns hidratantes por aí: ele é realmente calmante. Ao nível de eu praticamente já mal utilizar o Sebodiane da Noreva para me ajudar a controlar a dermatite seborreica, porque ele ajuda imenso nesse campo - a vermelhidão está dramaticamente reduzida. Não tenho experiência pessoal a nível de rosácea, mas quanto a borbulhas estou em condições de afirmar que este produto e o Lavender Drops da SkinOwl salvaram a minha testa das crises em que andava desde que parei de tomar a pílula em Outubro do ano passado - review desse para breve também.

 

Portanto sim, este é um produto que implica um investimento grande inicial, mas estou seriamente convencida de que é um produto que vale mesmo o dinheiro que custa. Basta-me pensar em 2-3 produtos acessíveis que foram um falhanço total na minha rotina, juntar o valor deles e perceber que teria feito melhor se tivesse poupado dinheiro para comprar este. E especialmente porque a quantidade utilizada é tão mínima que faz com que o preço por utilização se equipare ao de produtos acessíveis (pode custar 3-4 vezes mais, mas também dura 3-4 vezes mais do que os outros).

Review: Hydraluron Moisture Serum

Tipo de produto: sérum para pele desidratada
Função: ajudar a reter a hidratação fornecida pelos hidratantes que se colocam por cima
Ingredientes principais: ácido hialurónico de alto e baixo peso molecular
Quando usar: após a limpeza

 

Textura: gel
Aroma: sem aroma

 

Embalagem: tubo de plástico com tampa
Quantidade: 30 ml

 

Preço: 24€
Onde comprar: Boots e Primor

 

hydraluron_review_pele_desidratada_serum.JPG

 

Há muito que eu andava para escrever sobre o Hydraluron, mas acabava sempre por adiar porque não era um produto fácil de arranjar. Contudo, já que a Primor começou finalmente a vender os produtos da Indeed Labs, achei que era uma óptima altura para vos trazer esta review.

 

Primeiro que tudo, o que é o Hydraluron? É um sérum que tem essencialmente ácido hialurónico na sua composição. Para quem não sabe, o ácido hialurónico é O ingrediente anti pele desidratada, já que consegue reter até 1000 vezes o seu peso em água. Ou seja, eles pegaram em altas concentrações de ácido hialurónico, meteram apenas os ingredientes suficientes para conseguir uma textura em gel facilmente espalhável e está feito. Se este é um produto muito completo e que vos vai resolver todos os problemas da vossa pele? Não. Este é simplesmente um sérum anti-desidratação. Só que é o melhor sérum anti-desidratação que conheço. E se querem prevenir todos os problemas associados à desidratação, entre eles as rugas, este é um óptimo produto.

 

Para utilizar este sérum há que ter em conta que convém utilizar um bom hidratante por cima dele, já que o ácido hialurónico só por si não faz praticamente nada. O que ele vai fazer é reter toda a hidratação que colocarmos por cima dele, pelo que depois dele temos de aplicar um bom hidratante com base de água. Se por exemplo aplicarem o Hydraluron e um óleo por cima, os resultados que vão ver são mais ou menos zero.

 

hydraluron_review_pele_desidratada_serum_2.JPG

 

A grande vantagem deste produto é que resulta de forma brilhante em pele oleosa. A minha amiga S foi viver para Inglaterra há alguns meses atrás e ficou com a pele completamente desidratada. Já que ela estava num sítio onde existem Boots, recomendei-lhe (leia-se "obriguei a") ir comprar o Hydraluron, porque além de pele oleosa e desidratada, a pele dela é muito reactiva. O que aconteceu é simples: nunca mais parou de usar. O meu caso é menos drástico e por isso vou utilizando o Hydraluron sempre que acho necessário, mas para mim é um produto tipicamente de verão por ter uma fórmula tão leve e sem qualquer óleo.

 

Tenho alguma coisa a dizer de mal? Nada. Eu uso (pele mista), a minha mãe usa (pele seca), a S usa (pele oleosa reactiva) e estamos todas satisfeitas. Se vai ser um produto que vai agradar a toda a gente? Não vai, e posso já dar-vos o exemplo da Sali Hughes que não teve qualquer resultado com ele, mas que é a primeira a admitir que é um bom produto por causa do feedback massivo que tem dele. Mas também não há um único produto à face da terra que vá funcionar em toda a gente, muito embora o Hydraluron seja o mais próximo que já encontrei disso.