Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

The Skin Game

Acne na Vida Adulta e Maskne - Melhores Produtos

skin-problem-with-acne-diseases-5BEB89K.jpg

 

A acne na vida adulta tem um tratamento diferente da acne na adolescência. Na vida adulta, não só os activos utilizados são diferentes, como as zonas afectadas também costumam ser. Tipicamente a acne nesta fase apresenta-se na zona do queixo e mandíbula, e pode estar relacionada com questões hormonais, pelo que é sempre bom serem acompanhados pelo vosso médico.

Quem me acompanha há algum tempo sabe que desde a minha adolescência até ter engravidado sofri com crises múltiplas de acne. Nunca chegou ao ponto de requerer medicação, felizmente, mas cheguei a ter acne inflamatória. Portanto esta é uma área onde tenho mesmo experiência na primeira pessoa.

A nível da maskne, ou acne causada pela utilização de máscara, teremos duas abordagens. Se a pele for habitualmente oleosa e tiver tendência para crises acneicas peço-vos que sigam as recomendações gerais do post. Caso a vossa pele seja habitualmente seca, deveremos estar perante um caso de acne mechanica, pelo que vos peço que vão até ao fundo da página, pois é uma patologia diferente da abordada inicialmente. No caso da maskne em pele oleosa, contudo, mesmo esses podem beneficiar da utilização dos produtos de reparação da barreira cutânea mencionados na lista final.

 

Mudar a alimentação

 

A verdade é que se for para comprar cremes estamos sempre prontos a encontrar o próximo milagre. Acreditamos piamente que vai ser o próximo creme que nos vai salvar, mas nunca somos capazes de achar que estamos a fazer alguma coisa mal na alimentação. Portanto começo já por aqui:

  • reduzir o açúcar ingerido: o açúcar é pró-inflamatório e a acne é uma doença inflamatória. Acho que isto deverá chegar para justificar por que será boa ideia cortar no consumo de açúcar (já para não falar em todos os outros benefícios desta decisão).
  • aumentar o consumo de Vitamina A: a Vitamina A tem estudos que comprovam a sua eficácia na acne (daí que se usam derivados desta vitamina no tratamento tópico e oral da acne), por isso aumentar o consumo de alimentos ricos em Vitamina A tem vantagens na pele acneica. Sugestões: cenoura, batata-doce, pimento vermelho, manga, espinafres, abóbora.
  • aumentar o consumo de magnésio e zinco: aumentar o consumo de magnésio e zinco parece ter grandes benefícios para o controlo da oleosidade. Sugestões: amêndoas com pele, marisco, gérmen de trigo, espinafres, abacate
  • escolher boas gorduras: reduzir o consumo de gorduras saturadas e aumentar o consumo de ómegas 3 e 6 auxilia o tratamento da acne. Sugestões: linhaça, peixes gordos, sementes de chia, frutos secos, espinafres
  • reduzir o consumo de álcool: o álcool nunca irá ajudar em nada na pele e a acne é outra doença que não beneficia em nada com o consumo de álcool.
  • evitar chocolate: além do facto de conter açúcar, o próprio cacau parece estar relacionado com aumento da incidência de acne.
  • reduzir a ingestão de lacticínios: não necessariamente por causa dos lacticínios em si, mas por causa das hormonas. Se conseguirem obter leite produzido sem utilização de hormonas na produção, poderão consumir lacticínios sem problema. Há estudos que indicam que o leite magro não tem vantagens.

 

Usar uma boa rotina de pele

 

Passamos então àquilo que vos trouxe por cá (mas nada de saltar directamente para esta parte, que a primeira é mesmo muito importante). Durante as crises mantenham uma rotina de pele simples, com recurso a poucos produtos, mas que sejam eficazes. Deixo-vos as minhas sugestões.

 

Antes de listar, um aviso: os links para a Care to Beauty não são links de afiliado. Contudo podem usar o código ANA5 para terem 5% de desconto na Care to Beauty se optarem por comprar lá, e esse código é de afiliado.

 

Limpeza - uma limpeza não agressiva. A ideia é que a pele fique livre de excesso de sebo e poluentes, mas não excessivamente deslipidada.

  • Bioderma Sensibio Gel [comprar] - um gel simples e compatível com pele sensível
  • Cerave Hydrating Cleanser [comprar] - apesar do nome referir que é hidratante, bem como ser indicado para pele normal a seca, este creme de limpeza é ideal como forma de limpar suavemente a pele sem agredir
  • La Roche-Posay Micro-Peeling [comprar] - um gel de limpeza com ácido salicílico
  • Sesderma Salises Creme de Limpeza [comprar] - semelhante ao anterior, mas mais cremoso
  • La Roche-Posay Serozinc [comprar] - para utilizar após a limpeza como calmante

 

Activos - em crises de acne tenho mais tendência para aconselhar ácido salicílico, pois tem afinidade para a gordura e acaba por conseguir penetrar mais profundamente nos poros. Contudo, podem usar AHA como o glicólico, especialmente para tentar reduzir as marcas de cicatrizes (embora numa fase posterior e já com a acne plenamente controlada, algo como o Sesderma Azelac RU Serum será melhor nas manchas). Outra alternativa é utilizar retinóides. Lembrar sempre que a utilização destes activos implica a utilização de rotecção solar diária, mesmo no inverno.

  • YOUTH LAB. Cleansing Radiance Mask [comprar] - uma opção em conta a nível de máscara, com ácido glicólico e argila
  • Neutrogena Skin Detox Mask [comprar] - uma outra opção em conta, muito semelhante à anterior
  • Bioderma Sébium Night Peel [comprar] - com alta percentagem de ácido glicólico, ideal para peles muito resistentes ou para usar localmente
  • La Roche-Posay Effaclar Sérum [comprar] - com uma combinação de vários ácidos e niacinamida, bastante eficaz
  • La Roche-Posay Effaclar Duo+ [comprar] - um clássico, mas bastante eficaz, com uma combinação de ácidos e piroctona olamina
  • NeoStrata Salizinc Gel [comprar] - uma combinação de ácido salicílico e zinco, ideal para quem tem acne de origem hormonal
  • SVR Sebiaclear Serum [comprar] - opção com niacinamida e gluconolactona, habitualmente recomendo para utilização de manhã
  • IFC BiRetix Tri-Active [comprar] - a opção que recomendo quando já se experimentaram outras coisas e nada resultou

 

Tratamento em pele sensível - nestas peles habitualmente não conseguimos utilizar os típicos activos anti-acne, já que a pele reage facilmente. Nestes casos temos sempre de abordar com calma as problemáticas e adequar as expectativas, pois dificilmente terá tanto efeito como os anteriores.

  • Bioderma Sébium Sensitive [comprar] - uma opção com controlo da produção de sebo além de acção calmante e equilibrante
  • Sesderma Lactyferrin Sebum [comprar] - com lactoferrina e bakuchiol, com textura em gel

 

Protector solar - o ideal é escolher uma fórmula matificante, seja de uma gama de acne ou não.

  • SVR Sebiaclear SPF50 [comprar] - fórmula extremamente matte, ideal para quem quer controlar completamente a oleosidade
  • La Roche-Posay Anthelios Anti-Imperfections [comprar] - com ácido salicílico e niacinamida
  • Eucerin Sun Oil Control [comprar] - uma opção mais acessível, mas boa no controlo de oleosidade
  • Heliocare Gel Oil-Free [comprar] - habitualmente recomendada por dermatologistas, mas pode dar problemas com esfarelamento de maquilhagem

 

Acne mechanica - este tipo de acne começou a surgir na literatura este ano, com o surgimento de casos de acne em pessoas com pele seca. Este tipo de acne surge da frição e contacto permanente com a máscara. Idealmente convém escolher máscaras descartáveis ou de tecidos naturais, usar apenas o tempo necessário, mudar a máscara com frequência em utilizações prolongadas e lavar a máscara reutilizável com detergentes suaves e sem amaciador. Dito isto, a nível de produto aqui a chave é a reparação da pele e da barreira cutânea.

  • Sesderma Sespanthenol Foamy Cream [comprar] - apostar sempre numa limpeza extra suave e reparadora, este é um óptimo exemplo
  • La Roche-Posay Cicaplast B5 [comprar] - qualquer um dos cremes cica funcionará bem, mas deixo-vos um do qual tenho feedback directo
  • Eucerin Aquaphor [comprar] - ideal para colocar antes de utilizar a máscara, de forma a proteger a pele
  • Bioderma Matricium [comprar] - para casos extremos, dado o valor do produto, mas extremamente eficaz

28 comentários

Comentar post

Pág. 1/2