Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

The Skin Game

Anti-envelhecimento para pele com acne

Uma das leitoras sugeriu este tema no post dos cuidados anti-envelhecimento para pele com rosácea, e eu não podia concordar mais. Não só porque conheço imensa gente que aos 60 anos tem acne, como também porque sei que é um assunto difícil, já que a maioria dos cremes está formulada para pessoas com pele seca. A verdade é que com o período pós-menopausa, o habitual é que, pela ausência do efeito do estrogénio, a pele tenha tendência a ficar mais facilmente ressequida. Contudo, cada vez mais pessoas apresentam pele oleosa e mesmo acne no período pós-menopausa, pelo que é cada vez mais urgente as marcas dedicarem-se a este facto.

 

Retinóides: o dois em um

 

Se alguém me pedir para escolher apenas um ingrediente para uma pele madura acneica, a minha resposta é retinol, sem sequer ter de pensar dois segundos. Inicialmente o retinol era apenas utilizado como creme de tratamento da acne, mas com o passar do tempo descobriram-se os inúmeros benefícios como anti-envelhecimento, e este ingrediente começou a ser incorporado como ingrediente anti-envelhecimento.

Dizer "retinol é um bocado batota. Na verdade o retinol é apenas um dos derivados da vitamina A que funcionam, poderão encontrar além do retinol, o retinaldeído ou o retinil retinoato. Todos eles irão ser convertidos na pele a ácido retinóico, que é a forma activa. A vantagem das outras formas é que parecem ser menos irritativas para a pele, já que este é um efeito secundário típico do retinol tópico. Idealmente, o tratamento com retinol deve ser iniciado com um espaçamento de 3 dias entre aplicações, sendo este intervalo progressivamente diminuído até poder ser utilizado diariamente. O retinol deve ser utilizado à noite e de preferência em pele limpa e seca, tendo o cuidado de associar sempre um cuidado com protecção solar durante o dia.

Sem mais conversas, vamos às sugestões:

anti envelhecimento acne retinol.PNG

SkinCeuticals Retinol 0.3 - contém bisabolol para acalmar a pele e o retinol está em concentração bastante elevada [comprar]

La Roche-Posay Redermic Retinol - com retinol em libertação prolongada [comprar]

Sesderma Retises 0,25% Gel - com ácido hialurónico, para providenciar hidratação [comprar]

Sesderma Reti-Age - lipossomado, reduz a irritação

Sunday Riley Luna - por ser em óleo e conter retinaldeído, não existe nenhuma alternativa fácil para este produto, pelo que acabei por incluí-lo no post mesmo tendo em atenção o facto de tentar sempre dar-vos alternativas fáceis de encontrar e mais acessíveis

Clique-One A15 - com 0,15% de retinol, em monodoses, o que garante a estabilidade do produto [comprar]

 

Penso que não é necessário realçar que devem optar por apenas UM produto contendo retinol e conjugá-lo com outros produtos. As sugestões vêm já a seguir.

 

Outros produtos e ingredientes

 

Para quem quer complementar o tratamento da pele acneica e madura ou para quem não pode utilizar retinóides, existem outras alternativas. A principal, e a minha preferida, é o ácido glicólico, especialmente quando associado a ácido salicílico. A niacinamida também tem resultados muito bons em pele oleosa e é outro ingrediente a considerar. Para pessoas com pele oleosa, uma coisa que costuma funcionar bem são as ampolas de efeito tensor, pelo que vos deixo aqui três sugestões diferentes.

Vamos então às sugestões:

anti envelhecimento acne.PNG

Hidratantes:

Caudalie Resveratrol Lift - este é um creme de fórmula bastante leve e adequado a peles mistas a oleosas, com a vantagem de ter Resveratrol na sua composição, conhecido pelas propriedades antioxidantes. [comprar]

Filorga Time-Filler Mat - este sim, formulado de base para ser um creme hidratante, anti-envelhecimento e matificante. O único problema é o preço, daí ter referido as alternativas anteriores, mas este seria, sem dúvida, o meu eleito. [comprar]

Sesderma Resveraderm - outro hidratante incrível à base de resveratrol, desta vez da Sesderma. O feedback que tenho da experiência com ele é muito positivo, embora ainda não tenha tido contacto com ele pessoalmente (e a minha mãe tem pele seca, pelo que não é boa cobaia para estas coisas). 

Sesderma BTSES creme gel - mais uma vez, uma versão mais leve e um hidratante formulado de origem para pele oleosa, com base em péptidos para as peles que não toleram bem os tratamentos à base de ácidos. 

 

Tratamentos

Sesderma AcGlicolic S - com ácido glicólico (8%), niacinamida (4%) e ácido salicílico (1%), este hidratante cumpre a sua função base de manter a pele hidratada, mas também combate o envelhecimento e a pele oleosa. É uma das minhas sugestões principais quando me pedem um produto tudo em um e que seja relativamente acessível. [comprar]

SkinCeuticals Blemish + Age Defense - com ácido salicílico (1,5%), LHA  (0,3%), ácido dióico (2%) e ácido glicólico (3,5%), é uma bomba. O único problema é ser em frasco conta-gotas, que não lhe garante a estabilidade que um produto com este preço deveria garantir. [comprar]

AcGlicolic Serum - com 6% de ácido glicólico, é um óptimo complemente para quem quer incluir ácido glicólico na rotina e não quer começar por concentrações muito altas. [comprar]

YOUTH LAB. Cleansing Radiance Mask - com 6% de ácido glicólico também, é uma outra apresentação para a mesma população descrita acima, com a vantagem de ter caulino e um complexo redutor da área dos poros.

 

Ampolas 

Martiderm Photo-Age - com 15% de Vitamina C (umas das maiores concentrações disponíveis no mercado), vitamina A (embora a quantidade não seja significativa para as ter incluído nos produtos com retinol), Vitamina E e Vitamina F. [comprar]

Daeses Ampolas - com DMAE a 8% e ácido láctico a 7%, estas ampolas têm efeito lifting notório flash e o feedback que tenho delas é bastante bom. [comprar]

Endocare Tensage - com péptidos e antioxidantes, é uma boa opção para quem quer o efeito tensor e antioxidante sem qualquer gordura associada ao tratamento. 

 

* este post contém links de afiliados

Casamento - primeiras coisas a fazer

Bem, fez ontem um mês que fiquei noiva (estou a escrever isto a dia 18). A vida tem sido um mini reboliço, mas acho que finalmente vai acalmar (aliás, tenho a madrinha a dizer que estou proibida de googlar mais coisas, mas tanto ela como eu sabemos que isso não vai acontecer... mas hey, boa tentativa!).

Acho que a maneira mais fácil de organizar isto é por tópicos, por isso vamos lá, pode ser que vos ajude em alguma coisa, que no início vi-me completamente desorientada.

 

As decisões que orientam tudo o resto

 

No dia a seguir à proposta pusemo-nos a fazer a lista de convidados. Percebemos rapidamente que tudo o resto estaria dependente disto, portanto foi por aí que começámos. Chegámos à conclusão que concordamos nisto de querer um casamento apenas com as pessoas mais próximas e ficámos em cerca de 80 pessoas, entre família e amigos.

Daí partimos para o nosso primeiro pseudo orçamento, que serviu mais para listar itens em que vamos gastar dinheiro do que propriamente para estipular um verdadeiro orçamento, porque esse só mesmo quando começámos a pedir valores aos vários fornecedores. A lista de despesas escondidas é infindável, mas por esta altura estamos seguros de que estamos a contemplar mais ou menos tudo o que queremos incluir (é fácil uma pessoa esquecer-se que se quer levar com arroz na tola vai precisar de o colocar em algum sítio, ou que a lingerie da noiva também conta para as despesas).

 

Aplicações e sites

 

O grande auxílio nestas coisas tem sido o site casamentos.pt (e a respectiva app), mas o Zankyou também tem sido indispensável. Além disso, o Pinterest é a escolha óbvia para guardar imagens de que gosto, para mais tarde servirem de referência em coisas como vestidos, penteados, bouquets ou bolos de casamento. Sei que há diversos blogues de casamentos, mas ainda não encontrei nenhum que me agradasse. Também sei que existem revistas sobre o assunto (e eu sou uma pessoa que até acha piada a ter uma ou duas), mas ainda não encontrei nenhuma à venda e por isso não vos posso dizer nada sobre elas.

 

Pesquisas e fornecedores

 

Só tive dois casamentos este ano e apenas um deles foi aqui na zona do Porto, tirando isso acho que há uns 10 anos que não ia a um (e tinham sido todos ainda no Ribatejo), por isso a minha experiência com sítios é muito limitada. À medida que fui anunciando às pessoas, fui também pedindo ajuda. Ia perguntando quem conhecia sítios, igrejas, floristas, o que fosse. Fui para a internet e comecei pesquisas. 

Houve coisas que foram muito fáceis - os fotógrafos, por exemplo. Como sempre soube que seria a Bárbara Brandão a maquilhar-me, fui à página dela e comecei a abrir links para equipas/fotógrafos que me interessavam a nível estético. Ela partilha frequentemente fotos de noivas que foram publicadas pelos fotógrafos, e por isso acabou por ser uma boa forma de os procurar. Quando tinha uma lista de pessoas que nos interessavam, enviei emails a pedir orçamentos e depois perguntei à Bárbara qual a opinião dela sobre uns fotógrafos que nos tinham ficado debaixo de olho. Com a confirmação daquilo que esperávamos, partimos para a contratação da Teresa e Dado, dos Arte Magna. Tudo neles parecia certo, e depois de termos reunido com eles, decidimos que era mesmo aquele tipo de gente boa onda e talentosa que queríamos ao nosso lado no dia do casamento. Um verdadeiro momento "say yes to the photographer". (vocês já viram os álbuns que eles fazem? São a coisa mais linda à face da terra!)

Contudo, aquilo que me foi valendo sempre foi o fórum do Casamentos.pt, porque a partilha de informação é imensa e com uma boa dose de paciência e algumas horas investidas em pesquisa, acabei sempre por encontrar aquilo de que precisava. Por outro lado, gosto sempre de pesquisar quem está destacado na Zankyou como fornecedor de topo, mas outra coisa que também descobrimos é que, por muito que muita gente goste de um serviço, não significa que ele seja o mais adequado para nós. Como somos pessoas muito low-profile, os fornecedores que gostam de elaborar um casamento impactante e com muita coisa a acontecer não são aqueles em que nos revemos, embora sejam perfeitamente capazes de realizar o casamento de sonho de muita gente.

 

Pedidos de orçamentos

 

Não sei se já se aperceberam, mas eu tenho muito mau feitio no que diz respeito a atendimento ao cliente (ou muito bom feitio quando o atendimento é impecável, vendo-me facilmente a um atendimento cuidado). É um bocado aquele síndrome de "eu trabalho em atendimento ao cliente e não vos exijo mais do que exijo a mim própria. Se vocês não sabem fazer um atendimento de qualidade, vou dar o meu dinheiro a outra casa que esteja mais interessada".

Se já passaram por esta saga de pedir orçamentos, já chegaram à mesma conclusão que eu - metade dos fornecedores não vos dão orçamentos sem ser presencialmente. E eu não voltei a contactar nenhum dos que me disse que "há muitas variáveis a discutir, não querem marcar uma reunião para vermos os detalhes?". Gente, há milhares de fornecedores., se eu não tenho qualquer referência vossa e se não me enviam orçamentos, não tenho interesse em vocês. Não tenho tempo nem paciência para reunir com 20 fornecedores só para tentar perceber se se enquadram no nosso orçamento e naquilo que esperamos da vossa parte. A quinta que acabámos por escolher respondeu-nos ao pedido em menos de 24h com descrição detalhada do menu e uma tabela de preços, tendo os devidos acréscimos sinalizados e uma indicação de que podíamos reunir para discutir mais pormenores. Percebem, pessoas? Não é assim tão difícil.

Uma coisa que decidi fazer e que chocou muita gente foi começar a pedir orçamentos a vários tipos de fornecedores (quintas, fotógrafos, música, transporte, etc.), mas a minha pergunta é: como é que vocês conseguem estabelecer um orçamento se não sabem qual o valor médio que cada tipo de fornecedor cobra? Eu pedi orçamentos a empresas que provavelmente só contrato daqui a um ano, mas eu precisava de ter noção real dos valores praticados, e isso só consegui mesmo perguntando. Não quero estar em pânico 6 meses antes do casamento porque achávamos que 3 ou 4 fornecedores iam cobrar metade do que realmente cobram e não sabemos o que fazer à última hora. Assim deu para perceber quais as nossas prioridades, largar algumas ideias prévias que tínhamos e adoptar outras tantas com as quais não contávamos.

 

Pessoas malucas

 

Isto há sempre, certo? Primeiro que tudo, tive uma fase que achei que ia mandar um berro da próxima vez que alguém me dissesse "o quê??? só vão casar em 2018????". Aparentemente as pessoas gostam de ficar ofendidas com escolha de datas que em nada lhes dizem respeito (porque na verdade a maioria das pessoas que teve este tipo de reacção não está convidada para o casamento... acho que quem nos conhece sabe que somos pessoas que gostam de planear as coisas com muita tranquilidade e portanto não estranham). Agora já tenho um discurso preparado de "sim, queríamos pelo menos um ano para preparar as coisas e queremos casar perto do nosso aniversário de namoro, por isso sim, 2018". Se começo a ficar maluca com coisas destas, no dia em que tenha filhos e em que toda a gente me ofereça conselhos não solicitados, eu expludo. Portanto mais vale começar a treinar a paciência, dizer "obrigada pela opinião" e continuar com a minha vida, que ninguém me paga psiquiatra no fim disto tudo.

Cremes de mãos anti-manchas

 Muita gente tem-me pedido recomendações de cremes de mãos anti-manchas, por isso resolvi dar um salto rápido por cá para vos falar de cinco cremes que resultam.

creme mãos pigmentação manchas protector solar.

SkinSecret Creme de Mãos - é o único do grupo que não tem filtro solar, mas para compensar tem estudos que comprovam a sua eficácia anti-manchas (reduziu manchas de hiperpigmentação em 43% das voluntárias, e tanto quanto sei o estudo nem estava direccionado nesse sentido, foi uma descoberta feita através da menção espontânea das voluntárias). Este é o único com o qual tenho experiência e, em termos de galénica, é simplesmente espectacular. Hidrata sem deixar as mãos untuosas e é rapidamente absorvido.

Bioderma White Objective Créme Éclairssante Mains - este creme tem uma acção despigmentante graças a uma patente da Bioderma presente em toda esta gama, mas sobre a qual não consigo encontrar coisa nenhuma (o costume com patentes de marcas). Pela lista de ingrediente descobri por lá a niacinamida e presumo que seja parte da patente pela sua acção anti-manchas. Além da patente, contém também ácido glicólico para promover um aumento do turnover celular e SPF19 para evitar o aparecimento de novas manchas. [comprar]

Uriage Dépiderm Créme Mains Anti Taches SPF15 - à base de niacinamida e ácido glicólico (estão a ver um padrão? É, bem vindos ao mundo da dermocosmética) e com SPF15, este é a nova adição à linha despigmentante da Uriage.

Ducray Melascreen Soin Global Mains - mais uma patente (desta vez a L-White), mais uma voltinha por nenhum sítio que refira o que contém a patente, mas pela análise da lista de ingredientes deverá ser extracto de agrião-de-jardim, conhecido pelas suas propriedades despigmentantes (e porque o nome em latim começa por L, o que é sempre um bom indicativo de que estou no bom caminho). Pela composição percebe-se facilmente que o grande foco deste creme é mesmo a protecção solar, que é a mais alta de todos os produtos com SPF50. 

Anjelif Crema Mani - acho que é a primeira vez que falo da Anjelif por aqui, mas pelo feedback que fui tendo deste produto parece que vale a pena. O efeito anti-manchas é conseguido através dos extractos de duas plantas, mas a informação é muito ténue e, apesar de indicar que contém protecção solar, não é indicado em nenhum lugar de quanto será essa protecção. Contudo, e como o feedback é bom, fica aqui para referência.

Anti-envelhecimento para pele com rosácea

Apesar de já ter feito um post dedicado à rosácea e aos produtos a usar, na altura deixei de lado um tema que me é muito pedido no dia a dia: anti-envelhecimento para quem sofre de rosácea. E a verdade é que isto não é um tema nada fácil, pois a pele reactiva tem tendência a reagir muito mal a activos anti-envelhecimento. Ainda assim, reuni 5 produtos com anti-envelhecimento que podem ser usados em pele com rosácea. Ainda assim, ressalvo que não posso dar qualquer tipo de garantia em relação a eles, só que estão formulados para diminuir a ocorrência de problemas. Todos estes produtos podem ser encontrados em farmácia em Portugal (algumas marcas são pouco comuns, mas se fizerem o pedido eles podem encomendar no espaço de alguns dias - se não o fizerem, mudem de farmácia).

 

 

anti-envelhecimento rosacea rugas firmeza.PNG

NeoStrata Bionic Face Cream

DC Dermoteca Cosmetics Anti-rugas Lifting Pele Reactiva/Rosácea

YOUTH LAB. Wrinkles Erasure Cream

Sesderma RetiAge (tem retinol, mas sendo lipossomado é recomendado por muitos dermatologistas)

Lierac Magnificence Créme Veloutée

 

Se tivesse de escolher apenas um por onde começar, recomendava o da Dermoteca, uma vez que é o único formulado exclusivamente para esse propósito.

Pág. 1/2