Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

The Skin Game

Tony Moly: o que comprar em Portugal e funções dos produtos

A partir de abril a marca coreana Tony Moly vai estar disponível nas lojas Sephora, tendo sido uma das novidades anunciadas no showroom há alguns dias. A marca é conhecida por ter preços acessíveis, produtos com fórmulas interessantes e embalagens giras inspiradas nos ingredientes principais de cada produto. Ainda não tenho confirmação de preços, mas eis a lista de produtos da Tony Moly que vão ser vendidos em Portugal. 


Egg Pore Blackhead Steam Balm - bálsamo que aquece e funciona dilatando os poros. Transforma-se em gel para ajudar a remover as impurezas e contém carvão, sal marinho, pó de casca de ovo e extracto de gema de ovo. Funciona como Passo 1 na gama Egg Pore.

Egg Pore Tightening Cooling Pack - bálsamo de efeito fresco que contrai os poros de modo a reduzir a sua aparência. Passo 2 da gama Pore Egg.

Egg Pore Silky Smooth Balm - bálsamo com efeito de alisamento óptico em poros, rídulas e cicatrizes. Passo 3 da gama Pore Egg.

Tomatox Magic White Massage Pack - máscara de luminosidade, à base de extracto de tomate. Massajar durante 2 minutos em pele limpa e remover com água.
Appletox Smooth Passage Peeling Cream - máscara de limpeza e esfoliação, à base de extracto de maçã verde, extracto de papaia e AHA. Massajar durante 2 minutos em pele limpa e remover com água.
Latte Art Cappuccino Cream in Scrub - creme esfoliante com efeito quente, com extracto de café. Massajar durante 3-5 minutos (até a cor do produto mudar) e depois remover com água.
Pocket Bunny Moist Mist - essência com aroma a pêssego para peles secas que confere hidratação prolongada.
Panda's Dream So Cool Eye Stick - stick anti-olheiras e anti-rugas com efeito refrescante e de alisamento óptico.
Panda's Dream White Magic Cream - creme de luminosidade à base de niacinamida. Pode ser usado como base de maquilhagem.
Pure Eco Bamboo Cool Water Soothing Gel - gel de efeito refrescante à base de água de bambu, para pele seca e sensibilizada.
Pure Eco Bamboo Clear Water Fresh Toner - tónico hidratante à base de água de bambu, para pele seca e sensibilizada.
Pure Eco Bamboo Cold Water Moist Cream - hidratante com 80% de extracto de bambu, para pele seca e sensibilizada.
I'm Real Tomato Mask Sheet - "sheet mask" para conferir luminosidade ao rosto. Usar 20 minutos.
I'm Real Seaweed Mask Sheet - "sheet mask" com função purificante. Usar 20 minutos.
I'm Real Tea Tree Mask Sheet - "sheet mask" com função calmante. Usar 20 minutos.
Intense Care Snail Hydro-gel Mask - "sheet mask" com função hidratante. Usar 20-30 minutos.

Banana Hand Lotion - loção hidratante para mãos com aroma a banana.
Mini Peach Lip Balm - bálsamo hidratante com aroma a pêssego.
Mini Berry Lip Balm SPF15PA+ Cherry - bálsamo hidratante com protecção solar, aroma a cereja e cor ligeira.
Mini Green Apple Lip Balm - bálsamo hidratante com aroma a maçã verde.
Petit Bunny Gloss Bar - gloss em stick com diversos aromas e tons suaves.

Review: YOUTH LAB. Daily Sunscreen Gel Cream SPF50 PA+++ Oily Skin

 

Tipo de produto: protector solar para pele mista a oleosa com cor

Função: protector solar, hidratante, matificante, creme de cor

Ingredientes principais: Tinosorb S, Tinosorb A2B, Univul T, Vitamina E

Quando usar: passo final nos cuidados de rosto e antes da maquilhagem

Textura: gel-creme

Aroma: cacau

Embalagem: tubo de plástico com tampa

Quantidade: 50 ml

Preço: 20€

Onde comprar: farmácias, Care to Beauty (não é link de afiliado, contudo podem usar o código de afiliado ANA5 para terem 5% de desconto na Care to Beauty)

 

Desde que entrei na YOUTH LAB. que tenho tido como missão pessoal melhorar a comunicação dos produtos em certos aspectos. Um deles é a comunicação das fórmulas, porque elas são mesmo, mesmo boas. E andava a adiar a review deste produto porque me faltava saber quais os ingredientes que eram usados como protecção solar. Sabem aquele momento em que consultam o e-mail e começam a ouvir "oh happy daaaaaay" na vossa cabeça? Aconteceu-me quando fiquei a saber que a máscara de limpeza tinha ácido glicólico e aconteceu-me quando vi os protectores que são usados nas fórmulas da marca. Já vos expliquei um pouco sobre protecção solar neste post e podem também consultar o post e vídeo da Lisa Eldridge sobre o assunto. De forma muito sintética, os protectores solares que fazem parte da fórmula deste produto são os mais recomendados por dermatologistas na Europa por serem muito eficazes e seguros (com a vantagem de não deixarem o rosto branco devido à reflexão da luz). São compatíveis com pele sensível e reactiva com a vantagem de terem uma boa cobertura anti UVA e anti UVB (prevenindo as queimaduras e os danos celulares que podem evoluir para cancro). Agora que já me aturaram um bocadinho nisto das fórmulas, vamos lá ao produto propriamente dito.

 

Ora e então este protector solar como é que se porta? Primeiro que tudo, apesar de ser definido como protector solar, este produto é mais um BB cream: acumula funções de protecção solar, hidratante (e matificante) e ainda tem cor. E quando eu digo que tem cor, note-se que é uma cor muito suave. Aliás, na minha entrevista de emprego o meu chefe mostrou-me os CC Creams da marca, que têm uma cor mais escura do que este produto, e eu barafustei que ninguém queria saber das peles branquinhas e só faziam coisas para pessoas morenas. Pois então o meu chefe pegou neste protector solar e disse "toma lá isto e experimenta" e calou-me logo ali. Sim, este protector solar tem cor, mas dá perfeitamente para pessoas branquinhas como eu. Além disso, para quem quiser cobertura mais intensa, já que o produto só dá uma cobertura leve, serve perfeitamente como base de maquilhagem. Já o testei com a Teint Miracle da Lancôme e com a Waterweight da MAC e não tive problemas em qualquer situação. Em termos de oleosidade, ele tem um toque bastante seco e é rapidamente absorvido, ajudando a manter a pele matte ao longo do dia.

 

Em relação à capacidade de protecção solar, ainda não o testei em condições extremas, porque só o tenho desde fim de Setembro, mas o feedback que tenho de clientes que usam este produto é que ele realmente protege, com a vantagem de poder ser reaplicado facilmente graças ao facto de ter cor. A protecção solar anti UVB é SPF50 e anti UVA é PA+++. Tudo bem que já existem protectores solares PA++++, mas essa designação foi criada há um ano atrás e só muito poucas marcas dispõem desse tipo de protecção, sendo que todas as que conheço são coreanas.

 

Resumindo: se querem um protector solar para preguiçosos, têm aqui um. Como já é hidratante, não necessitam de colocar creme na pele, e como já tem cor safam-se bem sem colocar base desde que não queiram uma cobertura intensa. Peles reactivas e oleosas, corram para ele, que vale bem a pena (e os números das vendas mostram bem isso).

Review: Pixi Glow Tonic

glow_tonic_pixi_glycolic_acid_toner_ácido_glicoli

 

Tipo de produto: tónico esfoliante
Função: esfoliante, renovação celular, prevenção do envelhecimento
Ingredientes principais: aloé, hamamelis, ácido glicólico (5%), extrato de ginseng
Quando usar: após a limpeza

 

Textura: líquido
Aroma: floral, mas suave

 

Embalagem: frasco de plástico com tampa
Quantidade: 250 ml

 

Preço: 25€
Onde comprar: Cult Beauty, Look Fantastic

 

Muitas vezes perguntam-me "e que tónicos é que recomendas?" e eu tenho de embarcar na jornada de explicar que, do meu ponto de vista (que é partilhado por muita gente) os tónicos são um produto dispensável a menos que tenham ácidos. Não precisam de ir muito longe, a Sara do Make Down discorda plenamente de mim e não há mal nenhum nisso. Mas para mim a menos que haja algum tipo de ácido na fórmula, o tónico é um passo perfeitamente dispensável. Dito isto, este tónico tem ácido glicólico a 5% portanto é cá dos meus. 

 

Este já não é o primeiro tónico esfoliante que utilizo. Na verdade, cá em casa existem 4 diferentes (Clarins, Ducray, Pixi e Alpha H), só que eu tenho um problema muito específico com dois deles: não indicam a concentração de ácido glicólico. E isto é importante porque o ácido glicólico tem de ter concentração superior a 4% para ter as propriedades esfoliantes e de renovação celular que são anunciadas juntamente com ele, ou então é apenas aquilo a que se chama de "claims ingredient" - ingredientes que só servem para o marketing e não para a pele. Por isso tenho deixado esses de lado e tenho apostado em produtos que indicam a concentração. Ora e então como é que isto funciona? O ácido glicólico é um esfoliante químico e, se pensarem nas células como tijolos, ele vai ajudar a degradar o cimento que as une e promove a esfoliação destas. Este tónico deve ser utilizado em dias alternados, embebendo um disco de algodão que é passado no rosto já limpo. Em concentrações mais elevadas o ácido glicólico actua como despigmentante, mas não acho que este produto funcione nesse sentido.

 

Quando comparado com os que tinha utilizado anteriormente (Clarins e Ducray), neste o facto de ele ter ácido glicólico nota-se mais. Ou seja, é normal sentir uma espécie de formigueiro na pele depois de o utilizar e se passarem por cima de pele comprometida é uma festa. A minha pele já está relativamente habituada ao ácido glicólico, por isso não é normal sentir muita coisa, mas peles que nunca usaram vão provavelmente notar esse efeito.

 

Em relação a efeitos, noto algumas coisas: primeiro desde que comecei a utilizar ácido glicólico as minhas rídulas na testa diminuíram consideravelmente (pelo menos na aparência) e tenho tido menos problemas com borbulhas. Elas aparecem, é certo, mas desaparecem muito mais rapidamente e não deixam marca. A pele tem um aspecto muito mais uniforme e suave e a absorção dos produtos está muito melhor. A única chatice para o Glow Tonic é que agora experimentei o Liquid Gold da Alpha H e gosto um bocadinho mais do que deste, mas considerando os preços de ambos os produtos, o Glow Tonic continua a ganhar e vai ser provavelmente aquele que vou manter cá por casa.

Canais de Youtube

Há dois anos atrás não me apanhavam a ver vídeos no YouTube a menos que estivesse de cama há uma semana e sem capacidade para ler livros. Por outro lado, há dois anos atrás os canais de YouTube que discutiam cuidados de rosto eram quase inexistentes e, apesar de gostar de maquilhagem, não vamos sequer tentar comparar o tamanho da minha colecção de maquilhagem com a de cuidados de rosto. Por isso a minha tendência será sempre ir para canais de pessoas que gostam de skincare, mesmo que falem de outros assuntos pelo meio. 

Como sei que há sempre gente à procura de novos canais, deixo-vos aqui os meus preferidos. Por norma vejo canais de ingleses ou de portugueses, uma vez que os americanos acabam por discutir muitos produtos que são impossíveis de arranjar por cá e acabava por ficar frustrada. Se tiverem sugestões de canais, a caixa de comentários é toda vossa. E se quiserem também podem dar um salto ao meu canal, que ainda está em início de vida, mas parece que está cá para ficar.

 

Caroline Hirons - eu não preciso sequer de falar ou explicar, certo? A skincare queen Caroline Hirons faz dos meus vídeos preferidos e é certo e sabido que muito do que comprei nos últimos 3 anos deveu-se a recomendações dela. Há alturas em que discordo dela, mas isso só significa que continuamos a ser humanos com opiniões próprias. Na maior parte do tempo os vlogs dela são sobre Dettol e ser uma pessoa, e gosto muito disso. Detesto bloggers/vloggers que insistem em fingir um estilo de vida hippie chic que só existe nas câmaras - prefiro pessoas a sério.

 

Ruth Crilly / A Model Recommends - fiquei a conhecê-la e a gostar dela nos vídeos que fez com a Hirons há cerca de um ano atrás e nunca mais parei de assistir aos vídeos e de ler os posts. Mais uma vez, é uma pessoa com muitos anos de experiência (primeiro como modelo e depois como blogger) e que insiste em ser uma pessoa a sério. Os vlogs e posts dela sobre gravidez e sobre a filha são das coisas mais honestas que já vi, e acho que está a fazer um serviço pela humanidade ao desconstruir a realidade fantasiosa de que ser mãe é um mar de rosas.

 

Raquel Mendes / Luxurious Skin - uma blogger e vlogger portuguesa (apesar dos vídeos serem em inglês) que é responsável por uma quantidade razoável de estragos no meu orçamento. Gosto do facto de ter mais uma pessoa que adora cuidados de rosto e mistura aquilo que temos disponível em Portugal com produtos que conseguimos obter online. Isso e o facto de, mais uma vez, ela ser uma pessoa a sério e discutir questões importantes como a jornada contra a acne ou ser uma pessoa introvertida.

 

Sara Raquel / Make Down - mais uma portuguesa (desta vez com vídeos em português e inglês). A Sara já é bem conhecida da blogosfera e dispensa apresentações. Farmacêutica e minha colega de má vida da máfia da dermocosmética, a Sara é uma autêntica referência em Portugal no que toca a cuidados de rosto.

 

Sali Hughes - a série "In the Bathroom" da jornalista Sali Hughes foi o que me deu a conhecer o trabalho dela. Essencialmente ela entrevista pessoas na casa de banho e pede-lhes, numa segunda parte da entrevista, que mostrem os produtos que têm em casa. É também a autora do Pretty Honest e consta que está a escrever um segundo livro. Além disso, está para breve um "In the bathroom" com a Ruth Crilly, além do da Caroline Hirons que podem ver em cima.

Pág. 1/3