Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

The Skin Game

Blogue português escrito por uma profissional de farmácia e dedicado à dermocosmética.

Review: Fusion Water SPF50+ da Isdin

fusionwater_spf50_isdin_1.PNG

 

Tipo de produto: protector solar de rosto
Função: proteger contra UVA e UVB
Ingredientes principais: etilhexil metoxicinamato, avobenzona
Quando usar: depois do creme hidratante

 

Textura: fluida
Aroma: floral

 

Embalagem: plástico com tampa
Quantidade: 50 ml

 

Preço: cerca de 20€
Onde comprar: farmácias ou parafarmácias espanholas (só deverá estar disponível em Portugal no próximo ano)

 

Depois da má experiência que tive com o protector solar da La Roche-Posay, que reagia com a própria base da marca, decidi mandar-me para aqueles que eu sabia serem dos melhores protectores solares do mercado: Isdin. Claro que dói sempre um bocado largar ali 20€ de uma só vez sem termos a certeza absoluta se nos vamos ou não dar bem com o produto, mas o FusionWater tinha acabado de sair para o mercado e a descrição deixou-me curiosa. A página na Isdin prometia um protector solar de rápida absorção e com protecção contra UVA (que provoca os danos a nível do ADN que podem resultar em mutações --> melanoma) e contra UVB (radiação responsável pela queimadura solar). Referiam ainda que a composição ainda continha ácido hialurónico e vitamina E, ajudando a melhorar a fotoprotecção e a reter a água na pele. Como geralmente uso base ou BB Cream por cima da protecção solar, precisava também de algo que me garantisse uma boa base, e a presença de silicones na fórmula deixou-me mais descansada (silicones em produtos que vão servir de base à maquilhagem é uma óptima ideia, em produtos de tratamento de rosto já nem por isso).

 

Este é, portanto, um protector solar químico, mas para vos deixar mais tranquilos é um dos mais seguros, com uma excelente capacidade de absorção de UV, um bom perfil de segurança e raramente causa fotoalergia. E tem ainda a vantagem de não deixar o rosto branco após aplicação, coisa que acontece com os protectores físicos.

 

Veredicto depois de alguns meses de utilização? Não me escaldei nem um bocadinho. E acreditem, isto para mim é um feito quase épico, porque muito honestamente não me lembro de nenhum outro ano em que não tenha tido sequer uma vermelhidãozinha para contar a história. Sim, eu sou mesmo muito branquinha, não há nada a fazer. Ou seja, acho que realmente descobri o meu protector solar de rosto.

 

fusionwater_spf50_isdin_2.PNG

 

É que além de se espalhar maravilhosamente bem, não reagiu com nada que lhe tenha colocado em cima e a maquilhagem aguentou-se sempre impecável ao longo de horas. Já referi que não me escaldei mesmo nada? Estou absolutamente maravilhada com esse facto.

 

A única nota mais ou menos negativa sobre o produto é uma extrapolação. Uma amiga que adquiriu o FusionFluid, que é um outro protector da Isdin com embalagem igual a esta, levou-o em viagem e, tanto à ida como à volta, ele rebentou-lhe dentro do saco no avião. E quando digo rebentar, todo o saco e o seu conteúdo ficou coberto de protector solar. Não sei se o mesmo acontece com o FusionWater, mas fica aqui como nota de que a embalagem pode não resistir às variações de pressão.

 

Não há muito mais a acrescentar sobre o produto. Deixou-me a pele matte, é uma boa base de maquilhagem, fácil de espalhar e rápido a ser absorvido e, acima de tudo, realmente protege a pele contra a radiação.

4 comentários

Comentar post