Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

The Skin Game

Blogue português escrito por uma profissional de farmácia e dedicado à dermocosmética.

Review: C-Vit Lipossomal Serum da Sesderma

cvit_sesderma_serum_1.PNG

 

Tipo de produto: sérum
Função: antioxidante (contra o fotoenvelhecimento), despigmentante (fraco)
Ingredientes principais: vitamina C nanoencapsulada
Quando usar: depois do tónicos e antes do creme hidratante ou séruns à base de óleo, de manhã

 

Textura: fluida
Aroma: cítrico

 

Embalagem: vidro com conta-gotas
Quantidade: 30 ml

 

Preço: cerca de 30€
Onde comprar: farmácias e parafarmácias (físicas ou online)

 

cvit_sesderma_serum_3.PNG

 

Este é um sérum que eu considero praticamente obrigatório numa rotina a partir dos 25 anos. Já não há muito a acrescentar sobre os benefícios da vitamina C numa rotina diária de rosto, particularmente se aplicada de manhã de forma a poder fazer prevenção dos danos causados por radicais livres e para prevenir o melasma. Se combinarem este sérum com um hidratante que tenha vitamina E e um bom protector solar, então estão a potenciar ao máximo as vossas defesas contra os danos provocados pela radiação UV.  Portanto com um só sérum conseguem prevenir o fotoenvelhecimento (sim, prevenção de rugas e de manchas, os dois ao mesmo tempo e com um só sérum) e ajudar a aumentar a eficácia da protecção solar.

 

Quanto à utilização do sérum em si, é super prático. A embalagem é de vidro colorido (para proteger da radiação) com um conta-gotas que permite dosear perfeitamente a quantidade de produto a utilizar. Para mim, que não tenho dos rostos mais pequenos, 2-3 gotas chegam perfeitamente para cobrir rosto e pescoço. Um sérum é sempre um investimento um pouco mais puxado, mas pela eficácia e pela quantidade que se usa de cada vez, acho sempre que compensa a médio prazo.

 

Para quem não conhece a Sesderma, é uma marca espanhola que trabalha muito a nível de contacto directo com os médicos, principalmente com dermatologistas (até porque foi criada por um) e investe muito na nanotecnologia. Esta nanotecnologia permite obter uma forma estável de vitamina C, que geralmente oxida-se facilmente, perdendo as características que justificam o seu uso.

 

cvit_sesderma_serum_2.PNG

 

Pessoalmente a nível de séruns tenho muita tendência a ir para esta marca, seja para mim, seja no aconselhamento na farmácia. Não só porque é uma marca na qual confio, como também por ser uma marca muito tecnológica e muito voltada para os ingredientes. Vocês sabem que eu sou uma geekzinha de dermocosmética e que o único sítio onde tolero plantinhas raras e preciosas é nos cremes hidratantes. Nos meus séruns eu quero ingredientes que funcionem, porque os séruns são realmente onde eles devem estar. E de tal forma a marca funciona da mesma maneira que eu, que os nomes de gama gama/produto estão relacionados com o ingrediente principal ou com a sua função (além de que cada gama tem uma cor distinta e lógica associada). E isto para quem aconselha é mais ou menos o paraíso, porque caso não nos lembremos exactamente do nome do produto que queremos, sabemos que há-de ser uma embalagem com cor X e relacionado com Y. E desculpem-me ter prolongado a conversa sobre a marca, mas apercebi-me recentemente que muita gente não a conhece e assim ficam com uma ideia do que esperar dela.

 

Resumo da minha opinião sobre este sérum: se têm rosto, comprem-no. Muito poucas peles não irão beneficiar deste produto e se querem fazer prevenção do envelhecimento, é por aqui que querem começar.

4 comentários

Comentar post