Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

The Skin Game

Blogue português escrito por uma profissional de farmácia e dedicado à dermocosmética.

Acne - definição, causas, ingredientes a evitar e a procurar

Esta semana vamos abordar um tema que já vos estava a dever há muito: acne. Quando falo em acen, não me refiro às borbulhinhas que aparecem ocasionalmente. Refiro-me à doença que é impeditiva a nível de dor, a nível de aspecto e a nível psicológico. Vamos começar com a parte mais chata - as definições e as listas de coisas a ter em consideração. Ao longo da semana vamos ver recomendações de produtos para pele acneica e ainda ler um relato de um tratamento com isotretinoína. Espero que vos ajude.

 

Definição

Acne vulgaris é uma doença inflamatória crónica da unidade pilossebácea e é caracterizada por comedões abertos e fechados e lesões inflamatórias como pápulas, pústulas e nódulos. Além dos atributos físicos, a acne está fortemente associada a factores psicológicos e sociológicos, tendo sido comprovadas relações directas com ansiedade, depressão, isolamento social e dificuldades interpessoais.

 

Patogénese

A patogénese ainda não está completamente determinada, mas pelo menos 4 eventos levam à formação de lesão acneica:

  • Estimulação da actividade da glândula sebácea mediada por androgénios
  • Descamação anormal de queratinócitos na unidade pilossebácea, levando à formação de comedões
  • Proliferação de Propionibacterium acnes
  • Inflamação

 

 

Causas

  • Factores genéticos
  • Hormonal
  • Medicação

 

Estatísticas

  • 80% das pessoas entre 11 a 30 anos são afectadas pela acne em algum ponto da sua vida
  • 14% destas pessoas vão procurar um dermatologista
  • 12% das mulheres e 3% dos homens continuam a ter acne até aos 44 anos

 

Ingredientes a evitar

  • Álcool desnaturado (listado como ethanol, alcohol denat - existem outros tipos de álcool que não secam a pele, já que são álcoois hidratantes, como o álcool cetílico ou estearílico)
  • Ceras
  • Lanolina
  • Manteiga de karité
  • Óleo de mentol/hortelã-pimenta/eucalipto/citrinos
  • Óleo mineral/parafina

Nota: dependendo das fontes, a água de hammamélis tanto é um ingrediente a procurar como um a evitar. Utilizem com precaução.

 

Ingredientes a procurar

  • Ácido azelaico
  • Ácido hialurónico
  • Ácido salicílico
  • Alcaçuz (liquorice)
  • Alfa-hidroxiácidos (ácido glicólico, ácido láctico, ácido mandélico)
  • Argila verde
  • Glabridina
  • Niacinamida
  • Óleo de melaleuca
  • Peróxido de benzoílo
  • Pro e prébióticos
  • Retinaldeído
  • Retinol
  • Zinco

 

Tratamentos sistémicos

Estes tratamentos não vão ser alvo de desenvolvimento no blogue porque têm de ser sugeridos e acompanhados por um médico. De qualquer forma, estes são alguns dos tratamentos que têm resultados na acne:

  • Antibióticos
  • Espironolactona
  • Contracepção hormonal (pílula)
  • Retinóides (adapaleno, isotretinoína, tazaroteno)

 

Alimentação

Não há muito que se possa dizer que resulte em termos gerais. A investigação neste campo tem levado a muito poucos resultados palpáveis, mas sendo uma doença inflamatória, o tratamento com antioxidantes e anti-inflamatórios é sempre uma boa opção. O açúcar, contudo, está mais do que provado como sendo um dos piores ingredientes para a pele em geral, e no caso da acne em particular.

  • Alimentos ricos em anti-oxidantes e anti-inflamatórios
  • Ómega-3 e 6
  • Evitar açúcar refinado
  • Evitar produtos lácteos

 

Mitos

  • O sol seca as borbulhas - o efeito "secante" é temporário e leva a que se formem manchas. Portanto nada de sol e tudo a abusar no protector solar - mesmo que seja o médico a dizer para apanhar sol (alguns devem ter apanhado demasiado e fritou-se-lhes qualquer coisa a mais).
  • A acne é causada por falta de limpeza - claro que a limpeza ajuda, mas está longe de ser tudo na acne. A acne é uma doença inflamatória (ênfase na parte de doença) e o tratamento é complexo e demorado.
  • Se um tratamento provoca uma crise de borbulhas inicial é porque está a limpar a pele (a única situação plausível é na utilização de ácido salicílico em concentrações elevadas, que realmente pode provocar esse efeito na primeira semana)
  • Comer chocolate provoca acne - claro que existirão pessoas que têm alguma sensibilidade ao chocolate, mas geralmente a pior parte do chocolate é quando temos as mãos com resíduos e passamos na pele (ou quando o chocolate é muito rico em açúcar).
  • Deve-se secar ao máximo a pele para que a acne não se desenvolva - por favor, parem. Secar a pele é mau, o que têm de fazer é estabilizar a pele e garantir que usam agentes calmantes, anti-inflamatórios, hidratantes e que a gordura na vossa pele é o tipo certo de gordura (por exemplo usando óleos adequados a pele oleosa).

4 comentários

Comentar post