Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

The Skin Game

Blogue português escrito por uma profissional de farmácia e dedicado à dermocosmética.

Medicamentos vs. cosméticos - e esclarecimento quanto ao blogue

A propósito de um pedido de opinião de uma leitora de hoje, resolvi que estava na hora de fazer um pequeno esclarecimento aqui no blogue, que passa essencialmente pelo seguinte: neste blogue não se fala de medicação. Quem sofre de patologias já deve ter notado que nunca falo nos tratamentos medicamentosos que estão disponíveis e isto é algo que não irá mudar. Infelizmente, não considero que um blogue dedicado à dermocosmética seja o sítio certo para discutir medicação. Isto porque, embora eu pudesse ser ingénua e achar que podia indicar opções de tratamento juntamente com um "tem de discutir estas opções com o médico ou o farmacêutico" e isso serviria como uma guideline para os leitores, infelizmente a realidade é que as pessoas saltam esse processo e partem imediatamente para a compra.

 

 

Medicamento vs. cosmético

 

Então e por que é que não falo de medicamentos e porque é tão importante que as pessoas sejam avaliadas e acompanhadas por um médico? Por causa daquilo que é a grande diferença entre um medicamento e um cosmético: o medicamento pode ser absorvido para a corrente sanguínea e, portanto, ter uma acção sistémica, enquanto que os efeitos de um cosmético são apenas superficiais (podem ler mais sobre isso aqui).

Traduzindo: os medicamentos que vocês aplicarem para fins cosméticos também terão um grande potencial de ter efeitos em todo o organismo, podendo afectar funcionamento de órgãos, ter efeito no desenvolvimento de fetos ou ter efeitos adversos. Isto implica, portanto, que o médico avalie o vosso estado geral de saúde e o vosso problema que seria passível de ser tratado com essas opções e decida se é ou não uma opção para vocês. Não está nas vossas mãos ou na de amigos e bloggers achar que aquela medicação é ou não a melhor para vocês - está nas mãos do vosso médico. Se não estão satisfeitos com a prestação dos vossos médicos, então mudem de médico (mas não esperem que a prestação seja concordar convosco em tudo e prescrever tudo o que vos apetece).

 

O papel das bloggers

 

Para mim o papel das bloggers na dermocosmética é muito claro: oferecer opiniões e sugerir produtos cosméticos para as mais variadas situações dentro da experiência que têm e com ponderação. E nunca, mas nunca mesmo, sugerir medicação. Eu percebo perfeitamente que quem sugere o faz com a melhor das intenções, a de partilhar algo que consigo resultou. Contudo, não me parece uma posição válida quando existe a clara possibilidade dos leitores obterem essa mesma medicação com mais facilidade do que o devido. Aqui já podemos culpar também os meus colegas de profissão e respectivas chefias, pois a medicação sujeita ou não a receita médica nunca deveria ser dispensada sem uma avaliação devida da situação e/ou sem prescrição, dependendo do tipo de medicação.

Estou bem ciente de que imensas bloggers famosas recomendam "cosméticos" que na realidade são medicação, mas nunca será esse o caso por aqui. Nem recomendação, nem indicações relativamente à utilização do medicamento em causa.

 

O papel dos leitores

 

O papel dos leitores, na minha opinião, é munir-se de informação junto de quem é formado na área e não na blogosfera. Quando falamos de medicação, não pode haver a leviandade de seleccionar produtos que podem fazer mais mal do que bem, com a desculpa de que são para fins cosméticos. Se o fizerem, fiquem cientes que, além desse tal efeito cosmético que pretendem, podem muito provavelmente ser acompanhados de efeitos adversos e outros efeitos sistémicos que podem afectar a vossa saúde.

Os medicamentos não são medicamentos por antipatia do sistema nacional de saúde. São-no porque existem vários factores que devem ser tidos em conta pelo profissional de saúde mais indicado e não por recomendação da blogosfera.

Marcas: Sesderma

sesderma.PNG

Origem: Espanha

Pontos fortes: fórmulas para vários tipos de pele e problemáticas, nanotecnologia

Pontos fracos: preço, disponibilidade de produtos

Gama de preços: média-alta

Onde adquirir: farmácia, Skin

Produtos em destaque: (nesta vou ter de ir por gamas) C-Vit, AcGlicolic, Azelac, Reti Age, Mandelac

 

Quando propus no Facebook fazer uma breve apresentação de marcas e vos perguntei por que marcas deveria começar, a Sesderma estava sem dúvida nenhuma no top dos pedidos. Por um lado sei que falo muito de produtos da marca por aqui e nas recomendações que faço quando me pedem, por outro lado a Sesderma tem a incrível quantidade de mais de 400 referências, pelo que se percebe perfeitamente que seja uma marca que gere confusão. Por outro lado, eu sou conhecida no meu trabalho por adorar a Sesderma. Alguém precisa de aconselhamento para alguma situação? Eu indico logo 3 opções da Sesderma. Vantagens e desvantagens de se ter uma gama alargada é que é difícil estar à vontade a aconselhar dentro da marca, mas estando não há caso nenhum em que não se encontre uma solução dentro da Sesderma.

Uma grande vantagem na Sesderma é que na maior parte dos casos os nomes de cada gama são baseados no principal ingrediente (AcGlicolic tem ácido glicólico, Mandelac tem ácido mandélico, C-Vit tem vitamina C, etc.).

Escolher produtos favoritos dentro da Sesderma não é nada fácil para mim porque não só uso vários, como recomendo uma batelada de outros tantos no meu dia a dia, mas aqui ficam uma pequena explicação dos que seleccionei acima:

- C-Vit - a gama C-Vit é aconselhada para primeiras rugas e para dar um boost à luminosidade da pele. Como esta gama não tem concentrações muito elevadas, pode ser usada por pessoas que não costumam tolerar bem Vitamina C em altas concentrações. Existem fórmulas hidratantes para todos os tipos de pele, séruns e a máscara da qual vocês por esta altura já estão cansados de me ouvir falar.

- AcGlicolic - à base de ácido glicólico, esta linha anti-envelhecimento aumenta o turnover celular, exfolia a pele e tem concentrações que vão dos 6 aos 15%, de forma a conseguir abranger várias peles. Mais uma vez, tem imensas fórmulas e apresentações (mas ainda estou à espera que arranjem um tónico esfoliante).

- Azelac - além do famoso Azelac RU que é o meu sérum anti-manchas preferido, esta gama também tem um gel-creme que é das poucas coisas que resulta em acne-rosácea e faz parte das minhas indicações constantes aqui no blogue.

- Reti Age - um dos meus cremes favoritos com retinol é precisamente o da Reti Age e mais uma vez existem fórmulas para os vários tipos de pele.

- Mandelac - perfeito para peles que não aguentam os ácidos típicos (glicólico, salicílico), esta gama à base de ácido mandélico pode ser usada por pessoas que têm pele sensível e que têm dificuldade em arranjar um esfoliante adequado.

Review: TattooMed Daily Tattoo Care

Tipo de produto: cuidado pós tatuagem

Função: cuidado de tatuagem pós cicatrização

Ingredientes principais: pantenol, octocrileno, glicerina

Quando usar: diariamente, de preferência de manhã

Textura: creme fluido

Embalagem: tubo

Quantidade: 100ml

Preço: 12.95€

Onde comprar: farmácias, estúdios de tatuadores, site da marca

 

Confesso que só me cruzei com a TattooMed cerca de um mês depois de fazer a tatuagem, daí que até agora este foi o único produto que usei da marca até agora - tenho pena, porque a experiência com este produto e o feedback imediato que tive de leitores deu-me vontade de ter usado os restantes produtos no momento da cicatrização. Como ainda tenho de retocar a tatuagem, já sei o que vou usar nessa altura.

Este é um hidratante para manter a integridade da tatuagem ao longo dos anos, tem emolientes e protecção UV para garantir que a pele está bonita e que a tinta não é degradada pela exposição solar. Por outro lado, pode ser usado previamente a fazer ou retocar a tatuagem para garantir que a pele está nas melhores condições possíveis para receber a tinta.

Para mim a grande vantagem desta loção, quando comparada com a que estava a usar anteriormente, é que a absorção é incrível e mal deixa resíduo. Tenho notado alguma tendência para as loções de cuidado de tatuagem serem muito à base de óleos e acabarem por deixar um resíduo algo oleoso na pele, mas esta é a única que é absorvida quase instantaneamente.

Outra vantagem é que, ao contrário do que tenho visto por aí, esta marca não abusa de forma ridícula nos preços (o kit completo custa pouco mais de 30€) e ainda conseguem o benefício de usar uma marca 100% vegan que não vive apenas dos óleos - têm formas complexas e bem estruturadas.

*produto cedido pela marca

Os favoritos do Nelson

Tenho reparado que temos por cá cada vez mais homens, por isso aliei-me ao homem cá de casa para vos trazer os favoritos dele. Vamos lá a isto...

 

favoritos nelson.PNG

The Body Shop Olive Shower Gel - o gel de banho que está sempre cá por casa é a versão grande do gel de banho de azeitona da The Body Shop. Enquanto que eu tenho tendência a variar no aroma do gel de banho consoante o meu humor e outras 500 variáveis, o Nelson é bastante menos complicado e usa quase sempre este. Na verdade, se ele tivesse de escolher um favorito seriam os da Philosophy, mas é quase impossível de arranjar em Portugal e acabamos por nunca ter em casa.

Barba Brada The Original Softening Beard Shampoo - quem me segue no Instagram já viu por lá fotos do Nelson e sabe que tenho um barbudo em casa. O champô para a barba foi uma adição recente ao espólio cá de casa, mas deicididamente é um que se vai manter por cá. Além de ser ideal para lavar a barba, ajuda muito a evitar pontas espigadas devido ao facto de ser um champô hidratante.

Ducray Kelual DS Shampoo - a dermatite seborreica é uma constante cá por casa e o champô com que o Nelson se deu melhor até hoje foi este da Ducray. Evita uma grande quantidade da caspa que ele chegou a ter e não lhe provoca irritação no couro cabeludo. É muito normal ele alternar este champô com o Sensinol na mesma marca.

Youth Lab. Daily Cleanser Oily Skin - um hábito que ficou dos tempos em que eu era formadora da Youth Lab., este gel para lavar o rosto tornou-se insubstituível cá em casa pelo facto de ter um aroma muito agradável e fazer uma espuma muito suave. Dura eternidades e é ideal para lavar o rosto no banho.

Barba Brada Escova para Barba - mais uma compra na Barba Brada, esta comprei-a juntamente com o champô e tornou-se oficialmente no utensílio preferido do Nelson. A escova ajuda a limpar a barba mais profundamente e faz uma ligeira esfoliação à pele, coisa que não costuma ser muito fácil quando se tem uma barba considerável.

Barba Brada Nourishing Beard Serum The Original - já temos por aqui review dos óleos, e este é o aroma que ficou como favorito por cá. Super leve e fresco, mas ao mesmo tempo ajuda a domar a barba e a evitar pontas espigadas. Além disto, dá um ar muito mais bonito à barba sem a deixar oleosa e pesada.

SkinCeuticals Phyto Corrective - o Nelson também é fã deste produto (podem ler a minha review aqui) especialmente porque pode ter a pele hidratada e apaziguada sem ficar com resíduos na pele. É um bom hidratante e um bom calmante, sendo um pós barbear perfeito (sim, ele usa barba mas há muitos sítios em que apara).

Noreva Sebodiane DS - este é também o preferido do Nelson no que diz respeito a dermatite seborreica no rosto. É o creme para dermatite seborreica que deixa menos resíduo gorduroso de todos os que já experimentámos (e entre ambos já levamos uma boa dose de fórmulas diferentes) e tem resultados rapidamente.